Joy Freitas em "Retratos de Dias Sós"

O que te petrifica? 

Qual o limite da sua capacidade de expressão?

Notícias estapeiam a cara.

Dias se tornam hiatos.

Premissas de fim de mundo.

Vulnerabilidade coletiva. 

O indivíduo uma ilha.

Trancada nesse caos. 

Vivendo em bolhas temporárias.

Medo. Confusão. Desespero. Sufocamento.

Quão frágeis são nossos pensamentos?

Quanta nebulosidade bloqueia nossa mente?

Cinza. Vazia. Interditada. Ausente.

Buscando ar na superfície.

O desabrochar é interno.

O caminho é de volta pra si.

Registrar, documentar, escrever com a luz.

Para estar viva. Para existir. Para resistir.

-

A série "Retratos de Dias Sós" retrata os conflitos da autora desde as primeiras notícias de quarentena, cancelamentos de contratos e bloqueio criativo superado pela busca por sanidade através de autorretratos.

Joy Freitas

@joyfreitasfotografia | 75999559973

Joilma dos Santos Freitas é feirense, administradora (UEFS) e iniciou na fotografia em 2013. É Associada ao Clube de Fotografia de Feira de Santana desde 2016, onde atualmente é presidenta (gestão 2019-2021); colaboradora na organização do Festival de Fotografia do Sertão (2017), da 2ª edição do Congresso Photofeira Conference (2018) e da III Mostra Coletiva do Clube de Fotografia de Feira de Santana (2018). Em 2015, participou da Oficina InSight Visual e Jornada de Fotografia de Rio Grande (RS). 

 

É Co-fundadora do Estúdio Fenda, onde desenvolve a fotografia autoral como proposta cultural e social, e, atualmente, desenvolve trabalhos com fotografias de família e ensaios femininos. 

Exposições

 

Exposição coletiva no Centro Universitário de Cultura e Arte (2013)

Mostra Panorâmica no Museu de Arte Contemporânea (2017)

Exposição Sensus no Museu de Arte Contemporânea de Feira de Santana (2018)

Mostra coletiva Eu Me Levanto no Museu de Arte Contemporânea de Feira de Santana (2018)

Mostra coletiva do Clube de Fotografia de Feira de Santana (2018)